domingo, 22 de abril de 2012

O limite da visão - sua finitude

Todos os sentidos possuem limites, são finitos. Com a nossa visão não é diferente. Ela só pode ver, sem auxílio de instrumentos específicos, o espectro visível, que corresponde a faixa de "onda" que se situa entre o infravermelho e o ultravioleta.




Não enxergamos o ultravioleta e nem o infravermelho, também não podemos ver os raio-x sem os aparelhos apropriados. Uma outra característica da nossa visão é que ela é falha, por diversos motivos. Quando percebemos a cor, podemos estar vendo uma cor induzida ou inexistente.




O trabalho acima, "Vermelho em mutações cromáticas", é um simples exemplo da falibilidade da nossa visão. É uma serigrafia (uma das muitas técnicas de impressão existentes) com apenas três cores, o degradê é induzido pela fusão óptica. Como podemos ver, a nossa visão pode ser levada a ver até o que não existe, duvida? então tá, vamos ao próximo exemplo:




Quantos azuis, vermelhos e amarelos-ocre você pensa estar vendo? Só há um azul e um vermelho, assim como só há um tom de amarelo-ocre. A ilusão é criada pelas listras amarelas e pretas, invertidas nas zonas opostas.

Ainda não se rendeu? Rsssss. É, você pensava que sabia tudo sobre cor, sobre visão, mas o assunto é sério, e tem gente que pesquisou o tema "Cor" durante toda a sua vida, como é o caso de Israel Pedroza, o autor das serigrafias acima.

Bom, agora iremos pintar a bandeira do Brasil dentro do seu olho. Há! não acredita? Então veja a imagem abaixo por pelo menos um minuto, não tire do seu campo de visão até que o fundo do seu olho tenha retido e, por equilíbrio, desaturado, produzindo a cor inversa. Depois de olhar durante um minuto, olhe imediatamente para uma folha branca, desse modo verá a bandeira com as cores exatas.




Olhe durante 30 segundos para o pontinho preto da imagem acima, depois olhe para uma folha branca e verá a bandeira do brasil com as suas cores corretas. Então gente, tirando a poesia da questão, a nossa visão é finita e passível de falhar.


Quem quiser saber mais sobre o assunto procure pesquisar e ler, ler bastante. Eu recomento os livros do mestre Israel Pedroza, que estão nas imagens abaixo. Queridos alunos, o conhecimento não surge do nada, é necessário que haja um esforço individual para tanto. É preciso ler, estudar e nos informar com os outros, pois, somente com esses hábitos iremos adquirir o conhecimento.







Para os meus alunos, queridos alunos interessados em saber mais, eu baixei um livro na internet, ele é bom e tem uma leitura fácil além de muitas imagens.

Para Baixar é só clicar aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário