quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Quem sabe desenhar?

Aqui se escuta muito coisas do tipo: Fulano desenha muito, o cara é hiper realista! Como se isso fosse uma virtude para poucos... O desenho, como a arte de desenhar, não tem mistério, é um exercício do olhar e um praticar, é transpor esse exercício para uma superfície plana, bidimensional. O trabalho de sombreado, a proporção e a textura dão o aspecto de realidade, na verdade o que se faz em um desenho realista é mentir, simulando a realidade através de recursos gráficos.

Enfim, o universo do desenho é muito mais "seguro" do que o da pintura. Trabalhar com o preto, tons de cinza e o preservar o branco do papel não é um grande problema. Já na pintura meu amigo, o papo é outro. Quem estudou a pintura de Amoedo, frente a frente (UFRJ) com os melhores professores sabe o que estou dizendo. Existem muitos "artistas" nas ruas da carioca que deixariam muito "fera local" de cabelo em pé...



Não é só desenhar e pintar, é compor os elementos no espaço, arrumá-los da melhor maneira para se conseguir o efeito desejado. Amoedo foi um artista excepcional no desenho e magistral na pintura, além de ser um mestre na composição. Escolher o tema para um trabalho artístico e executá-lo segundo uma ordem esteticamente harmônica não é algo que se recebe do "além", é ciência, não se aprende sozinho.


Isso sim é um nu de bom gosto, uma pintura e não um desenho colorido. O corpo está repleto de nuances verdes, violetas e azuis, como percebemos na realidade, não é simplesmente uma passagem de tom. Para finalizar, eu posto um retrato, um retrato hiper realista e não um desenho colorido...


É, acho que dá para perceber a diferença entre um artista hiper realista e um ... Estive no site do artista que supostamente coordenará um possível curso de artes na cidade, e lá não fala de formação  universitária nenhuma. Então amigo, não se iluda com o revolucionário homem das artes do Carmo, ele só sabe mentir!

Mudando completamente de assunto e mostrando a realidade (hiper realidade, rsrsrssr), o que temos aqui na cidade são crianças e adolescentes fantásticos, cheios de talento e que precisam de reconhecimento, não de esculacho. A arte é expressar-se, é dizer quem você é, e não se esconder atrás de imagens que uma criança de doze anos com um projetor é capaz de fazer. 

Aqui estão os meus artistas:





Essa é a hiper realidade.




E esse é um simples exercício feito por um aluno que dizia não saber desenhar. Vai ver alguém muito fera disse isso a ele...




Nenhum comentário:

Postar um comentário