sábado, 27 de abril de 2013

Arte 100 limites?

Você acha que o artista tem o direito de "zoar" com quem ele quiser? Ele pode, por exemplo, modificar uma imagem religiosa? Essa discussão é muito interessante e diz respeito não só a Arte como a cidadania e os direito civis. Eu particularmente não gosto da ideia de alterar qualquer imagem que tenha cunho religioso, ainda que possa ser simpática a ideia, ela abre precedentes para outras não tão simpáticas.

Apesar do difícil entendimento que muitas pessoas (tipo o "Da Lua") tem a respeito dessa discussão, ela é pertinente. Voltando ao questionamento de outro post sobre "Cultura", onde eu simulo uma situação em que uma sociedade (os Yanomamis) descarta suas origens e adota outra referência, outra matriz cultural e religiosa, fica claro que o trânsito e o acesso cultural não dá o direito de alterar essa mesma matriz.



O que você achou desses desenhos? Particularmente eu acho descabido, arte fora do seu "quadrado". Mas tem gente que acha legal, tipo, "São Sebastião" é carioca, anda de bermuda e usa cocar indígena. Só falta um dragão tatuado no braço...

Nenhum comentário:

Postar um comentário